O que é Marketing de Conteúdo? - Blog da EagleX Marketing e Vendas

Marketing de Conteúdo

O que é Marketing de Conteúdo?

Douglas Mendes
Escrito por Douglas Mendes em 6 de setembro de 2020

Marketing de Conteúdo é todo o conteúdo produzido para educar, informar ou entreter um potencial cliente, com vídeos, textos, infográficos, e-book etc. É um dos principais ativos dentro de uma estratégia de Inbound Marketing e não tem o intuído inicial vender, mas sim educar a audiência.

Ao começar uma estratégia de Marketing Digital, todo profissional de marketing encontra essa frente chamada Marketing de Conteúdo. Mas como trabalhar com essa estratégia? Vamos falar sobre essas e algumas outras questões no conteúdo abaixo!

A ideia do Marketing de Conteúdo consiste em informar potenciais clientes para que, sendo nutridos de informações relevantes para o que ele busque, chega a decisão de compra. 

Marketing de Conteúdo é um termo relativamente novo. No entanto, suas aplicações já aconteciam antes mesmo da era digital. 

Em 1895, a John Deere, empresa líder no segmento de máquinas agrícolas, publicou a primeira edição da revista “The Furrow”. A publicação segue em circulação até hoje e é focada em assuntos relacionados à agricultura.

Com essa revista, a John Deere ousou, e optou por compartilhar conteúdo com o público interessado em agricultura em vez de simplesmente criar anúncios “empurrando” os produtos que são fabricados pela empresa. Levando para o público um material com o intuito de educa-los e com isso ganhar autoridade no assunto abordado. 

Se você não é familiarizado com o termo Marketing de Conteúdo, pode se confundir com outro termo ligeiramente parecido, mas que em teoria são diferentes, na prática, que é o Branded Content.

Não confunda! Os dois tem papéis diferentes no Marketing. Enquanto o Marketing de conteúdo é construído pensando no consumidor a fim de converte-lo em algum momento em cliente. O Brand Content tem o intuito principal de mostrar valores, discursos e um pedaço da própria marca, gerando mais construção e fortalecimento de marca, é mais interação e envolvimento com a marca do que conversão ao final.

Separei dois PodCast para você se aprofundar um pouco mais sobre o tema Brand Content, um assunto igualmente interessante.

Marketing de Conteúdo e SEO

Marketing de Conteúdo tem muita influência nas estratégias de SEO de um site. Sabemos que hoje não basta produzir conteúdo com palavras-chave soltas em meio aos textos ou fazer link building em grande quantidade, mas sem qualidade.

O algoritmo de busca do Google se desenvolveu muito e já consegue perceber o que é um conteúdo relevante para o usuário. Dados como CTR na SERP, tempo de permanência na página e qualidade dos links referenciados no texto são analisados e influenciam no rankeamento.

Conteúdo de qualidade não é um conteúdo cheio de técnicas e hacks, é um texto que responda às dúvidas do usuário.

Marketing de Conteúdo para preparar sua audiência.

É importante levar em consideração que, por mais extensa que seja sua base de Leads, nem todas as pessoas estão prontas para consumir seu produto ou seu serviço.

Isso não significa que elas nunca serão seus clientes. Em muitos casos, o que falta é um pouco mais de informação até que essas pessoas vejam valor no que sua empresa oferece e tenham estrutura/fit para poderem utilizar e ter uma boa experiência com seu produto ou serviço.

Por meio do Marketing de Conteúdo, é possível nutrir esses Leads com materiais e informações relevantes, que irá prepará-los até que o momento ideal da compra chega e ele considere sua marca como a mais adequada para a decisão. Dessa forma, você não descarta diretamente um prospect despreparado, e sim posterga a compra para uma ocasião mais favorável.

Reduzir o custo de aquisição de clientes

Assim como o marketing mudou, o mesmo também vale para a forma como o público enxerga as marcas e realiza suas compras.

Produzir conteúdo de qualidade faz com que sua empresa se torne autoridade no mercado e, consequentemente, ganhe confiança do público. Uma empresa que está investindo tempo para produzir conteúdo gratuito para seus clientes e entregando valor para essas pessoas certamente será lembrada com muito mais força quando comparada a uma concorrente que não faz o mesmo.

Entregar conteúdo e informações para potenciais clientes é entregar valor e construir autoridade e credibilidade na mente dele.

Não falar apenas da sua marca e seu produto a todo momento, você cria maiores chances de que esse público propague sua marca para sua rede de contatos, uma vez que, satisfeitos por terem problemas solucionados, poderão compartilhar seu conteúdo com seus amigos que possuem as mesmas dores e necessidade.

Não é sobre sua marca, é sobre as necessidades de seus clientes.

Como o Marketing de Conteúdo tem ajudado o mercado

O Marketing de Conteúdo tem garantido seu espaço no mercado brasileiro nos últimos anos. Contudo, apesar do crescimento, o percentual de empresas que utilizam a metodologia ainda é baixo.

Se formos mais a fundo e analisarmos quantas empresas documentam a estratégia, o valor é ainda menor. Ou seja, não é tarde para sua empresa iniciar agora mesmo a trabalhar em uma estratégia de Marketing de Conteúdo.

Vamos utilizar a ContentTrends, pesquisa realizada pela Rock Content com mais de 2.725 participantes de diversas indústrias e áreas de atuação do Brasil.

Alguns dos principais insights que a pesquisa gerou foram:

  • Empresas que adotam Marketing de Conteúdo geram 4x mais visitas e 5x mais Leads;
  • Empresas que publicam conteúdo no blog têm 3,7x mais visitas;
  • Empresas que publicam mais de 12 conteúdos por mês geram o dobro de tráfego em seu site;
  • 50% das empresas brasileiras aumentaram os investimentos em Marketing de Conteúdo entre 2015 e 2016;
  • 67% das organizações pretendem aumentar seus investimentos em Marketing de Conteúdo em 2017;
  • 74,8% das empresas afirmaram que o número de conteúdos publicados cresceu entre 2015 e 2016.

Como fazer Marketing de Conteúdo

Marketing de Conteúdo sem uma estratégia bem arquitetada não é o suficiente para gerar o máximo de resultados. O método tem resultados comprovados, mas é preciso disponibilizar um tempo para planejamento e estratégia.

Existem várias formas de aplicar e executar uma boa estratégia. Algumas formas podem ser:

  • Blog;
  • Conteúdos Rico;
  • Vídeos;
  • Redes Sociais;
  • Email Marketing.

Como você pode perceber, Marketing de Conteúdo não é só escrever um texto em um blog ou criar um post no Facebook e aguardar que os resultados apareçam.

Você precisa pensar no que escrever, quando publicar, em qual canal promover, qual formato usar, qual persona atingir e qual resultado pretende alcançar.

Tendo os objetivos mapeados e as metas definidas, aí sim você pode começar a esperar bons resultados.

Tenha cadência nas postagens

Para descobrir qual é a periodicidade ideal para a sua empresa, leve em consideração o tamanho dela, sua concorrência e a equipe disponível para produzir conteúdo — é importante que a frequência de publicação de posts não afete a qualidade do material.

Outro fator importante é manter um padrão e um calendário de posts. Ser regular ajuda a ter visitantes retornando ao seu site. Se você somar esses retornos a novas visitas diárias, verá que vale a pena manter essa regularidade.

Uma das formas de manter uma audiência fiel é justamente fazer com que ela entenda a periodicidade de posts do blog. Seus visitantes acharão estranho se você postar duas vezes em uma semana, dez vezes na semana seguinte, uma vez na terceira semana e novamente dez vezes na próxima semana.

É verdade que estudos mostram que, quanto mais publicações novas, mais chances seu blog tem de se destacar perante à concorrência. No entanto, isso só ocorre se o aumento de quantidade não for afetar a qualidade. Aqui, o índice qualitativo vem sempre antes do quantitativo.

Seja com posts diários, semanais ou quinzenais, o recomendado é manter essa frequência para que sua audiência saiba como funciona o blog de sua empresa e perceba que tudo está sendo feito de forma organizada.

Planejamento de Pautas

Faça uma previsão de quantos posts por mês ou semana você pode produzir para seu blog sem torná-lo repetitivo ou desgovernado. Se o seu blog for de um nicho extremamente específico, por exemplo, talvez seja mais difícil encontrar assuntos diários.

A principal dica é criar um planejamento de pautas com antecedência, baseado nos problemas que sua persona enfrenta e nos diferentes estágios da Jornada de Compra. Dessa forma, você consegue prever quais serão os próximos assuntos, organizar melhor o conteúdo de seu blog e, ao mesmo tempo, manter o foco editorial e a diversidade de temas.

Lembre-se de otimizar o texto para a Google

Depois de fazer um planejamento de temas e definir a frequência de postagens, é importante seguir as boas práticas de SEO para que suas publicações fiquem bem posicionadas nos resultados do Google. Afinal de contas, seu site precisa ser encontrado!

Defina uma palavra-chave para focar no post e siga algumas técnicas de otimização SEO On-Page. Há muitas formas de otimizar um post mas, resumindo bem a técnica, lembre-se de colocar a palavra-chave nos seguintes atributos:

  • Título do post;
  • Url do post;
  • Descrição do post;
  • Alt-text das imagens;
  • No mínimo em 1 cabeçalho <H2> do texto.

Diversifique o tipo de comunicação

Outro fator bastante importante para um conteúdo bem escrito é a estrutura. É fundamental ter em mente que a leitura na internet é diferente da leitura de um livro, revista ou jornal.

Há muitas distrações na internet, e é comum que o usuário perca a atenção caso o texto não seja atrativo no início ou não seja escaneável. Por exemplo, blocos de texto muito grandes, sem nenhum descanso para os olhos, costumam causar desconforto para o usuário. Portanto, sempre que puder, enriqueça seu blog com subtítulos, listas, bullet points, negritos, itálicos, imagens, infográficos, vídeos etc.

Gostou do conteúdo até aqui? Continue lendo em nosso e-book, temos conteúdo complementar e ainda 12 erros ao fazer Marketing de Conteúdo, tenho certeza que você vai gostar.

Powered by Rock Convert

Agora é com você,

o que você achou deste conteúdo? Nos conte nos comentários.